Terça | 18 de Junho de 2019
Golpe do cartão quebrado. Cuidado!
Golpe do cartão quebrado. Cuidado!

Praticado por estelionatários, o golpe causa enorme prejuízo às vítimas, principalmente idosas.

Como funciona:

Por telefone, um criminoso diz ser funcionário do departamento de segurança do banco e pergunta se a pessoa realizou uma determinada compra de alto valor. Ao ser informado pela vítima que não, o criminoso diz que seu cartão foi clonado e utilizado para compras e saques. Por motivo de segurança, ele diz que o cartão será bloqueado e recomenda que a vítima o corte ao meio, até que um motoboy enviado pelo banco passe na sua residência para retirar o cartão quebrado e, supostamente, inválido. Na simulação do processo de cancelamento, o criminoso chega a solicitar que a vítima digite no telefone a senha do cartão.

Mas como é possível utilizar o cartão quebrado?
Se o chip não é destruído, o plástico pode ser utilizado. Especialmente se o criminoso souber a senha do cartão – informação obtida no contato telefônico, enquanto simulava o cancelamento.

Dicas para não cair no golpe:
1. O banco não envia motoboys para retirar cartões e nunca pede sua devolução, ainda que inutilizados.
2. Sempre que for descartar um cartão, independentemente do motivo, é fundamental cortar o chip, além da tarja.
3. Caso receba alguma ligação com esse tipo de abordagem ou qualquer movimentação suspeita, não pense duas vezes: desligue imediatamente!
4. A partir de outro aparelho de telefone, entre em contato com a central de atendimento do banco usando os telefones indicados no site da instituição ou que estão no verso do cartão – ou fale direto com o seu gerente.